Detox Mental, by Rute Caldeira


Resolução de Ano Novo

Penso que praticamente todos nós, no final de um ano que passou, temos tendência para proferir a tão célebre frase: Ano Novo Vida Nova! E assim nos últimos dias do ano em que nos encontramos, vamos repetindo a ideia de que para o ano será diferente, de que a vida vai mudar, de que a vida vai ser melhor….E acabamos os 365 dias cheios de esperança, imaginando um futuro risonho, imaginado que como por magia tudo o que aconteceu para trás vai desaparecer.

Sim não há dúvida de que o ser humano tem em sim uma força que o permite mudar, que o permite experienciar magia, que o permite sorrir e fazer as pazes com o passado que ficou. Mas isso não acontece porque um novo ano começa, isso não acontece porque dissemos que seria diferente, isso só acontece se de facto fizermos diferente! É preciso compreender que os mesmos comportamentos geram os mesmos resultados e que esses resultados só serão diferentes se efetivamente, os nossos pensamentos estiverem de acordo com as nossas palavras, se as nossas palavras estiverem de acordo com as nossas ções e se as nossas acções estiverem de acordo com os nossos objectivos.

 “A única coisa que cai do céu é a chuva” (Vinícius de Moraes), se queremos temos de fazer acontecer, somos nós que fazemos a magia acontecer, somos nós que escolhemos o tipo de realidade com que nos queremos brindar, somos nós que podemos parar para olhar o céu e nos encantarmos com o brilho das estrelas, como também somos nós que podemos não parar, que podemos continuar em modo automático sem observar o que nos rodeia, sem observar as pessoas bonitas que fazem parte da nossa vida – inclusive nós mesmos. Sim a vida é preciosa, sim o mudar de ano é sem dúvida o fechar de um ciclo, mas e depois? Quando janeiro passar não nos podemos esquecer que não tem só a ver com um novo ano, todos os dias é um novo começo, todos os dias iniciamos algo novo e esse novo é uma escolha nossa, esse novo pode ser bom, pode ser libertador, pode ser transformador ou pode ser a mesma rotina, a mesma zona de conforto, os mesmos medos, as mesmas desculpas para não agir. Todos os dias temos uma nova oportunidade mas só depende de nós agarrá-la ou deixá-la para trás, como deixamos tantas vezes os nossos sonhos e os nossos desejos.

Faz uma resolução de ano novo e escreve num papel os padrões que não voltas a repetir, os desafios que te trouxeram grandes aprendizagens e escolhe-te, decide que no próximo ano o viver está primeiro…Aprender a agarrar a vida como um presente, aprender a olhar para o dia de hoje como se fosse o último faz-nos encarar a nossa caminhada como ela realmente é – o mais precioso dos tesouros, aquele que não tem preço, aquele que não se compra, aquele que não devemos nunca desperdiçar. Brinda-te com um novo percurso que começa no teu coração, pois se esse novo percurso nascer daí ninguém te para e aí sim, sentirás a força das palavras que proferiste “ANO NOVO VIDA NOVA! E que assim seja.


Rute Caldeira

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.