De volta à Feira do Livro de Lisboa


Em plena 85ª edição do maior evento livreiro da capital, não posso deixar de voltar a sugerir uma (ou várias) visita(s) ao espaço. Vai daí, resolvi dar uma “espreitadela” ao programa previsto para o fim-de-semana no que às sessões de autógrafos diz respeito. E, acreditem, são muitas. O momento de estarmos “olhos nos olhos” com os nossos escritores favoritos é um dos motivos que mais nos leva a visitar a Feira do Livro. De entre as inúmeras sessões de autógrafos previstas, que decorrem entre as 11h00 e as 21h00, destaco aqui algumas. Assim, no sábado, dia 6, às 16h30, os fãs de Helena Sacadura Cabral poderão encontrar-se com a escritora no pavilhão da Penguin Random House; já os mais novos, pelas 17h00, podem conhecer Geronimo Stilton, que celebra o seu 10º aniversário este ano e estará na Editorial Presença; às 18h00, o escritor Pedro Chagas Freitas e o seu “Prometo falhar” estarão no pavilhão da Marcador Editora, enquanto na Penguin Random House está prevista a presença do famoso humorista e radialista Nuno Markl e o seu novo “Homem que mordeu o cão...”. Já no dia 7, domingo, um outro amigo da criançada, o Greg (personagem das histórias de “O diário de um banana”) estará no pavilhão da 20|20 Editora, pelas 15h00; uma hora depois, será a vez dos fãs de José Eduardo Agualusa se cruzarem com o autor e o seu “O livro dos camaleões” no pavilhão da Bertrand; o escritor João Tordo (que nos revela o seu “labirinto” no dia anterior na BSDR) estará a autografar “O Luto de Elias Gro”, pelas 17h00, no stand da Penguin Random House; e, por fim, destaque ainda para a presença de António Gentil Martins no pavilhão Clube de Autor, pelas 18h00, com o seu “Ser bom aluno não chega”. Querem mais motivos para ir até à Feira do Livro? E há! Há muito mais!

Susana Figueira

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.