Cada Porta uma História



Sou uma porta do Norte! Sou orgulhosamente portuense! Vivo num sítio antigo com cheiro à Idade Média. Estou-vos a falar do Barredo, pois então! Por cá passam turistas que vão da Sé à Ribeira e da Ribeira à Sé, pelas ruas estreitas, num sobe e desce que desafia a forma física.  Esperavam que eu estivesse pintada de azul? Pois, mas não estou. A minha cor é vermelha... a cor do inimigo. Nunca percebi porque me coloriram assim. Mas confesso que acabo por sobressair no casario deste labirinto histórico. Chamo a atenção e sou fotografada! Isso deixa-me orgulhosa. Se tenho pronuncia do Norte? Claro que sim, carago! Dá-me um certo charme pitoresco. Sou portuense e é quanto basta para ser especial.

Rosarinho

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.