Déjà Lu - muito mais que uma livraria


Fui à procura de um livro em segunda mão...

Livros que já foram lidos ganham nova vida na Déjà Lu, e levam novas esperanças e novas realizações a jovens com trissomia 21. A livraria Déjà Lu é especial. Nasceu de um blogue criado por Francisca Prieto e Maria Faria de Carvalho e agora que já amadureceu e cresceu, ganhou espaço físico na Cidadela de Cascais. No blogue os livros doados eram leiloados, na livraria são vendidos e 100% das receitas revertem para a Associação Portuguesa de Portadores de Trissomia 21. E são tantos livros, tantos que a dificuldade em escolher nos leva numa viagem literária deliciosa. Estão organizados por categorias muito criativas - "Nóbeis (que isto aqui não é uma chafarica)" ou "Acabados de sair da gráfica" - e arrumados de forma charmosa, em caixas de vinho. E ainda há aqueles que encontram numa velha televisão, o local ideal para exibirem os seus títulos. Outros fazem parceria com máquinas de escrever de tempos idos. 

Quando visitei a Déjà Lu, na semana passada, fui surpreendida por uma azáfama alegre: Livros nos chão à espera de serem catalogados, porque o fim de semana estava à porta e esperavam-se muito clientes literários; Um especialista em Banda Desenhada tinha estado por lá a ajudar na organização de uma grande doação de livros; clientes a saírem com as suas aquisições e com o coração cheio de felicidade... A livraria vibrava! Sentia-se o seu pulsar no sorriso de Francisca Prieto e das voluntárias que abraçaram este projeto. 

E eu continuei à procura do livro. Ou será que era o livro que procurava por mim? Entre tantos títulos e trocas de palavras com a Francisca, descobri um recanto absolutamente romântico, onde nos podemos sentar e perdermo-nos nas páginas de um romance histórico. Do lado oposto, uma parede repleta de fotos e notas, afirma-se como mural de inspiração. Chegam novos clientes. E eu retomei a procura do livro, enquanto Francisca me dizia que futuramente gostaria que de ter jovens com trissomia 21, na equipa da Déjà Lu. E esse futuro não me parece distante, tendo em conta a determinação e a garra de Francisca.  E a pensar na energia fabulosa deste acreditar, cruzei o meu olhar com o livro "A Fórmula da Saudade", de Daniel Oliveira. Era este! O primeiro de muitos que quero comprar na Déjà Lu.  

Aqui os livros têm mais valor! Já chegam à livraria com uma história, um passado, uma vida...  Com o romance de Daniel Oliveira, num bonito pacote de papel e já de saída tirei, ao acaso, uma frase inspiradora de um pote de vidro: "Dupla delícia: O livro traz a vantagem de a gente poder estar só e ao mesmo tempo acompanhado" - Mário Quintana. O meu livro trazia mais uma delícia, o fato de ter contribuído para uma causa que vale muito a pena! 

Confesso que ainda não comecei a ler "A Fórmula da Saudade", mas já sinto saudades de voltar à Déjà Lu!









  



A Déjà Lu encontra-se no piso 1 do restaurante Taberna da Praça, na Cidadela de Cascais.

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.