Cada porta uma história


A porta abriu-se e entrei sem hesitar. Estava no mundo fantástico das histórias de encantar. Descobri que a porta guardava o segredo da felicidade, da nossa infância perdida. Voltei a acreditar que tudo tem um final feliz, porque a inocência de criança acordou depois do beijo do príncipe encantado. Percorri este mundo, escondido por detrás da porta, e senti-me leve, como se levitasse no tapete de Aladdin. Perdi a noção do tempo, viajei até à Terra do Nunca e regressei numa linda Carruagem de Abóbora. Subi umas escadas sem fim e bebi um chá, servido por Mrs. Potts. Adormeci de cansaço e de eterna felicidade. Durante o sono a porta falou comigo e disse-me que estava na hora de regressar ao meu mundo. Indicou-me o caminho. Cambaleando entre fadas vi-me perante uma senhora velha a fiar. Piquei-me no fuso e estava de volta ao mundo real. A porta fechou-se. Mas sabem de uma coisa? A criança em mim despertou!

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.