Um Pouco de Tudo, por Aldy Coelho

    Giants Causey - North Ireland

MUDAR PARA RENOVAR

Morar em outro país é se surpreender com você mesmo.
É se descobrir e notar que na verdade, você não conhecia a fundo
algo que sempre achou que conhecia muito bem: Você mesmo!
Morar Fora – Tom Jobim

A necessidade de mudança é inerente ao ser humano. Seja por um corte de cabelo, um estilo de vida, ou mesmo um hábito. Até porque as mudanças acontecem mesmo se as desejamos ou não. A qualquer momento o destino vem e dá uma volta de 360 graus na nossa vida, mudando de bom para ruim ou vice-versa, sem ao menos prevermos ou desejarmos. Mas, se muitas vezes o destino não age, há aqueles que provocam as mudanças.

Conheço pessoas que são resistentes às mudanças, sejam elas em qualquer aspecto de suas vidas, e são capazes de viver anos e anos da mesma forma, numa mesma rotina. Porém, existem outras que, se a vida não propõe a mudança, elas fazem acontecer. Uma destas pessoas sou eu. E não é à toa que já tive experiências diversas em minha vida.

Uma das minhas mudanças mais recentes foi a de país. Pois é, não bastava mudar de emprego, de casa, ou até de marido. A mudança tinha que ser além. Ninguém entendeu no começo, afinal minha vida estava estabilizada, bom emprego, casa própria, ninguém entendia qual era o problema.

Não havia problema, mas chega um determinado momento na vida em que ficamos estagnados em nossa zona de conforto e nada mais se torna um grande desafio, uma experiência inesquecível. E quando tudo passa a parecer normal, sem provocar um frio na barriga ou uma ansiedade de expectativa, a vida começa a ficar enjoativa.

E para ajudar, meu marido, que tem uma personalidade impulsiva e sem medo das consequências, embarcou de uma vez na ideia de realizar um intercâmbio cultural. Antes eu até imaginava que intercâmbio cultural era coisa de adolescente antes de ingressar na faculdade. Mas vivendo esta realidade hoje, percebo que existem mais e mais pessoas como eu, com essa mesma necessidade de mudança, em qualquer etapa de sua vida.

Como jornalista e atriz eu preciso sempre de novas histórias, vivências, experiências e descobertas para aumentar minha ‘bagagem emocional’, para renovar a mente, ver e reconhecer outros caminhos, paisagens, pessoas e ideias. Poder se destruir e reconstruir quantas vezes for necessário para desenvolver minhas habilidades, seja para a arte de interpretar ou para a arte de escrever e difundir as experiências aos demais.

Para iniciar a mudança, o país escolhido foi a República da Irlanda, país de língua inglesa com uma história, uma cultura e principalmente um clima completamente diferente do que eu estava acostumada no Brasil. Bom, se é para vivenciar coisas novas, vamos ao extremo. Até então, eu conhecia muito pouco do país, confesso que não fiz a lição de casa e não pesquisei a fundo sobre a Irlanda. Mas acredito que conhecer e desfrutar ‘in loco’ de todas as possibilidades que a ilha oferece tem sido muito mais prazeroso do que já vir com a lição de casa pronta.

 E ao desembarcar neste país, você já é automaticamente inserido e tomado por esta nova realidade, que tem seus aspectos bons e ruins como em todo o país. E é justamente esta inserção num mundo novo, que estou vivendo atualmente, que quero dividir com os leitores do “Armazém de Ideias Ilimitada”, escrevendo sobre o cotidiano, as manifestações culturais e as curiosidades desta Ilha Esmeralda.

E claro, não posso deixar de compartilhar com vocês também um pouco sobre mim, meus pensamentos, minha experiência no campo das artes e do jornalismo, enfim, vamos fazer deste espaço uma troca de experiências, falando de tudo um pouco, seja do Brasil, da Irlanda, de artes ou de comunicação. Tudo o que é novo sempre ativa o pensamento e refresca a mente, então vamos utilizar este espaço para refrescar nossas ideias.

Agradeço a Rosária pelo convite e pela confiança no meu trabalho, e espero poder contribuir com vocês da melhor maneira possível. E deixo meu e-mail para ouvir de vocês opiniões e sugestões do que gostariam de ver neste espaço, afinal, aqui podemos falar de tudo um pouco!

ALDY COELHO
aldycoelho@gmail.com

(esta crónica é escrita em português do Brasil)  

    City Hall, Dublin - Ireland


                            Dublin


  
    Rope Bridge, North Ireland


    Cliffs of Moher - Ireland

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.