Vieira da Silva em Festa!


O dia de Santo António foi passado no Museu Arpad Szènes/Vieira da Silva, nos Jardins das Amoreiras e na Mãe D’Água. Não podia perder a festa de aniversário do nascimento de Maria Helena Vieira da Silva, principalmente porque a Casa-Atelier, esteve aberta ao público, especialmente nesse dia, com uma exposição de fotografias dos vários ateliers da pintora.

Não consegui assistir a toda a programação, que era vasta, mas ainda visitei as exposições "Vieira da Silva, Agora", "Estes e Outros Encontros" e "A Invenção Contínua"; presenciei a instalação sonora e performance com Sónia Baptista e Nuno Moura, no centro de documentação do Museu; assisti à performance de Sara Cheu e Ângelo Neto na Mãe D’ Água; passei pela Feira do Livro de Arte e visitei a Intervenção Experimenta Design 19 cores, nos Jardins das Amoreiras. Creio que foi o suficiente para sentir e viver esta grande comemoração que estava integrada no programa das Festas de Lisboa.

Lembro-me que, já por duas vezes tinha estado em contacto com obras desta notável artista portuguesa (que viu o seu trabalho reconhecido em vida), mas sentia que me faltava algo mais para a conhecer um pouco melhor. E este dia em que se celebrava o 105º aniversário de Vieira da Silva foi o início do caminho. Apetece-me saber muito mais!
 










1 comentário

DB disse...

foi um dia fantástico! Adorei:)

Com tecnologia do Blogger.