Dia Mundial da Poesia



E porque hoje é o Dia Mundial da Poesia, partilho com vocês um poema da autoria de Ana Brilha:

"O silêncio e a palavra"

Tu és o silêncio,
Eu a palavra,
Mãos que se trocam
De encontro ao rosto
Porque tudo é breve.

Não sei o nome da tua tribo
Mas deixei-te entrar
No meu abraço,
Contra todas as leis,
Mesmo a do bom senso.

Se amanhã fores,
Se tiveres de ir,
Não demores a partida.

Pega na minha mão estendida
E leva-me,
Para onde eu possa esquecer o meu nome.

Ana Brilha
"A apologia do silêncio"

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.