Game On


Tarde domingueira de verão, com muito vento. O que fazer? 
J. desafiou-me para visitar uma exposição, que provavelmente não iria, não fosse o seu empenho em me levar lá. E no final acho que quem se divertiu mais fui eu! E ele é que é o apaixonado por videojogos ;)

A exposição Game On que está a decorrer até dia 29 de julho, no Museu de Arte Popular (Belém), mostra ao público uma retrospetiva dos videojogos do século XX e XXI. Ora, eu que não entendo nada destas coisas dei por mim entusiasmada a jogar Pacman, Tomb Raider, Street Fighter (dos primórdios).

Game On já esteve presente em mais de 10 países e em Portugal, mostra ao longo de quatro salas, como isto dos videojogos surgiu e como tem vindo a evoluir num turbilhão de tecnologia, ano após ano.

A entrada custa 9€ mas podem experimentar todos os jogos e mais uns quantos, até vir a mulher da fava rica. Joga o pai, joga a mãe, joga o filho e na volta o avô, nesta que é uma exposição verdadeiramente transversal a várias gerações ;)


O começo...


Não percebo nada disto mas diverti-me à brava ;)


Cheiro a antigo...


O paraíso dos apaixonados por videojogos


J. em ação



Aqui até nem me saí mal..


É pr'ó menino e pr'á menina


Nem neste me safo ;)




Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.