"O Crime de Aldeia Velha"... é muito mais que uma peça de Teatro


Encontrar no teatro uma nova oportunidade de vida foi o que fizeram nove seniores, que na vanguarda das comemorações do Ano Europeu do Envelhecimento Activo e da Solidariedade entre Gerações vão apresentar ao público “O Crime de Velha Aldeia” de Bernardo Santareno. A estreia é já dia 10 de Novembro, no Palácio da Independência e os ensaios intensificam-se.

“A Velha Escola” (foi o nome que escolheram para o grupo) prova que não é preciso ser-se jovem para se fazer algo com genica e paixão. Com este trabalho mostram aos seus pares que os mais velhos ainda têm muito para dar a esta sociedade.  


Os 9 elementos que deram origem a este grupo (2 homens e 7 mulheres), passaram pelas Oficinas de Teatro Sénior, promovidas pelo encenador João Rosa. Da experiência de 14 meses de formação, sentiram-se impulsionados a mudar as suas vidas, ensaiando novos caminhos, percorrendo novas aventuras. O grupo já apresentou ao público peças como “Os Degraus” (baseado na vivência de cada um), “A Casa de Bernarda Alba”, de Federico Garcia Lorca, “Dissonâncias Instaladas”, de vários autores, “O Café” de Carlo Goldoni e mais recentemente “Zibaldone” (texto construído com poemas de vários autores).

“O Crime de Aldeia Velha” baseia-se num caso real sobre o linchamento de uma mulher supostamente possuída pelo demónio, ocorrido durante os anos 30, em Marco de Canaveses. Publicada em 1959, a obra de Bernardo Santareno coloca questões sobre o papel da religião e o seu impacto na humanidade, e foi interpretada na altura como um desafio ao regime fascista e às posições da Igreja Católica. 



Portanto vamos lá a comprar bilhetes para assistir a esta peça!

Reservas e Informações: ligue 1820 (24 horas)
Locais de venda: www.ticketline.sapo.pt | Agências Abreu, Casino Lisboa, C.c. Dolce Vita, C.c. MMM, C.c. Mundicenter, , El Corte Inglês, Fnac, Galeria Comercial Campo Pequeno, Worten.

Se habitualmente têm a estrelinha da sorte do vosso lado, podem ganhar bilhetes, para isso podem clicar aqui:


A peça estará em cena de 10 a 25 de Novembro e de 9 a 16 de Dezembro de 2011, todas as quintas e sextas-feiras às 21:00 (excepto dia 1 e 8 de Dezembro), no Palácio da Independência, Largo de São Domingos, 11, 1150-320 Lisboa. (Ao lado do Teatro Nacional D. Maria II)

Ficha Técnica:
Coordenação e encenação: João Rosa
Texto: Bernardo Santareno
Imagem Cartaz: Ricardo Campos
Coro: Coro Audite Nova Lisboa
Maestrina: Clara Correia
Elenco: Artur Assunção, Conceição Lopes, Delfina Costa, Helena Duarte, João Pires Silva, Júlia Catita, Lurdes Vinagre, Manuela Martins, e Tina Franco.
Co-Produção: A Velha Escola e João Rosa
Assessoria de Imprensa: Rosária Casquinha
Caracterização: Tucha
Fotografia: Carlos Muralhas


Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.