In Jamaica: "No problem"...

Yeah man

Discoteca do Hotel Baía Príncipe

Eis que estou de volta passada não uma, mas duas semanas de "ramboia" na Jamaica. É verdade, aquilo que julgamos só acontecer aos outros, por vezes também nos acontece a nós e neste caso fui uma das felizes contempladas a ficar uma semana extra no hotel com tudo incluído! Irrecusável!!!

Cheguei cheia de energias renovadas. Menos medrosa (depois de me ter aventurado nas estradas jamaicanas) e mais calma a encarar os problemas do dia-a-dia que afinal não passam de "pequenas situações". Os problemas só os são se nós alimentarmos essa sensação. Viram, aprendi coisas muito úteis com a cultura daquele povo fantástico sempre com um sorriso nos lábios e extremamente simpático.

A vegetação é densa e detentora de um degrade de verdes hipnotisantes. Tem belas cascatas, nas quais podemos fazer escaladas, imagine-se! As casas são coloridas e de todos os tipos: de madeira, mansões, contentores, mínimas, enormes... Enfim uma descoberta incessante.

E o pôr do sol... Deus meu, dos mais bonitos que vi até hoje na vida!!!

Adorei Negril, uma região muito típica e cheia de turismo de habitação com pequenas vilas super coloridas junto ao mar...

Subi às montanhas para prestar culto ao GRANDE Bob Marley, um dos meus grandes ídolos desde sempre e para sempre...

Gostei e recomendo...
Respect
Alexandra da Silva



Casa onde Bob Marley nasceu

Eu e um "rastafari" de longa data




Ricks Cafe: Um dos locais mais populares na Jamaica pelo pôr do sol e animação diurna e nocturna


Gastronomia típica Jamaica: Jerk de Frango. Uma delícia, parecida com franco no churrasco, mas muito mais macio e saboroso e pode ser acompanhado por um molho muito picante


Vai uma marguerita?!!! Acho que só esta bebida é que escapava ao Rum. De resto era Rum das Caraíbas com tudo...

O sol entre os dedos


Vista do pôr do sol de barco no meio de uma das lagoas mais famosas do mundo: Lagoa Luminosa (de noite, quando agitadas as águas, existem umas algas no fundo da lagoa que refelectem luz)
Coreto do Hotel Baía Príncipe onde são celebrados casamentos


"Pequena parte" do Hotel Baia Principe

Negril

Negril vista a bordo de um catamaran

Local onde desembarcou Cristóvão Colombo quando descobriu a Jamaica

1 comentário

Ana disse...

Adorei...parece de facto o local ideal para descansar, explorar e descontrair...muito verde e muita água...lindo! E você como sempre maravilhosa e em sintonia com o meio....Beijos Mil

Familia Prieto

Com tecnologia do Blogger.